Postado por: Rubens Ennes segunda-feira, abril 11



“sede prudentes como as serpentes” (Mt 10.16)

A prudência pode ser definida como a virtude de alguém que procura evitar as inconveniências e os perigos.

Ao observar esta característica tão marcante e importante para a sobrevivência das serpentes, percebemos que antes de realizar um ataque, elas analisam os riscos e as possibilidades, e aguardam sem ansiedade, o momento oportuno para agir. 

Certamente, conseguiríamos evitar muitos fracassos e arrependimentos se desenvolvermos essa virtude, iríamos agir menos por impulso e precipitação, e mais com sensatez e ponderação. 

Ainda refletindo sobre a prudência, também podemos aprender que:
- Não temos que acreditar em tudo que falam ou em toda informação que chega até nós;
- Não podemos adiar decisões necessárias e/ou atividades importantes;
- Não precisamos nos preocupar com aquilo que está fora do nosso alcance de resolver, antes, devemos pensar bem no que pode já estar, e que pouco ou nada estamos fazendo a respeito.

Rubens Ennes









Comentários
1 Comentários

{ 1 comentários ... read them below or add one }

  1. Muito importante para nossa vida ser prudente, e analisarmos bem tudo o que for fazer sem precipitação.

    ResponderExcluir

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu