Postado por: Rubens Ennes domingo, dezembro 6




Tendo Paulo ajuntado e atirado à fogueira um feixe de gravetos, uma víbora, fugindo do calor, prendeu-se-lhe à mão. Quando os bárbaros viram a víbora pendente da mão dele, disseram uns aos outros: Certamente, este homem é assassino, porque, salvo do mar, a Justiça não o deixa viver. Porém ele, sacudindo o réptil no fogo, não sofreu mal nenhum; mas eles esperavam que ele viesse a inchar ou a cair morto de repente. Mas, depois de muito esperar, vendo que nenhum mal lhe sucedia, mudando de parecer, diziam ser ele um deus. (Atos 28:3-6)

Há momentos que na vida temos que decidir se ficamos frustrados, chorando e esperando que algo de bom aconteça, ou se decidimos sacudir a nossa mão. Os que viram a Paulo começaram a dizer que a maldição o perseguia, mas ele não se preocupou com o que eles falavam, muitos estão vendo o que está acontecendo e podem até comentar: “essa pessoa está fazendo algo errado, é um problema pior que o outro”. Não importa quantas víboras se prendam em sua mão, Deus não te chamou para ser consumido pelas víboras da angústia, do desespero e das dúvidas, porém para sacudi-la no fogo.

Quando as pessoas esperavam pela morte de Paulo, porque conheciam aquele tipo de víbora e viram que não aconteceu nada, então mudaram de opinião, Paulo já não era mais uma maldição, ele começou a ser visto como um deus. Publio um principal da ilha o levou a sua casa porque o seu pai estava doente. Paulo o náufrago entrou em sua casa e orou pelo pai de Publio e o milagre aconteceu a passagem bíblica diz: “À vista deste acontecimento, os demais enfermos da ilha vieram e foram curados, os quais nos distinguiram com muitas honrarias; e, tendo nós de prosseguir viajem, nos puseram a bordo tudo o que era necessário”. (Atos 28:9-10)

Um grande avivamento aconteceu naquela ilha e às necessidades materiais forma supridas. Uma vez que você sacuda a serpente da sua vida no fogo você vai entender que no plano de Deus tudo o que acontece se torna em oportunidades para se superar e crescer. 

Muitos ainda estão chorando pelo que perderam na tormenta, outros estão esperando pela morte por que foram mordidas pela serpente. O Espírito Santo habita em nós e nos desafia a olhar além da tempestade, das perdas e das víboras. 


Você tem que olhar com os olhos da fé, porque há alguém muito mais poderoso do que a tormenta, mais determinado que as víboras, pronto para entrar em ação e abrir as janelas do céu para derramar do seu bom tesouro e fazer florescer as obras das suas mãos. Se na sua mão se prendeu uma víbora jogue-a no fogo da presença de Deus, as serpentes não suportam o calor. Nada vai acabar até que Deus faça com você o que p planejou fazer, sua atitude é o que vai contar para a nova fase de sua vida. 

José Ferro











Deixe o seu comentário:

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Avise-me sobre novas publicações | Avise-me sobre comentários seguintes por email

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu