Postado por: Rubens Ennes quinta-feira, novembro 19



”Mas Pedro respondeu: Homem, não sei o que dizes. E imediatamente estando ele ainda a falar, cantou o galo. Virando-se o Senhor, olhou para Pedro; e Pedro lembrou-se da palavra do Senhor, como lhe havia dito: Hoje, antes que o galo cante, três vezes me negarás. E, havendo saído, chorou amargamente. ” (Lucas 22:60-62)

Somente no livro de Lucas revela que Jesus olhou nos olhos de Pedro. O verbo aqui usado sugere um olhar fixo e decido, de uma maneira que só Jesus poderia fazer. Nenhum olhar humano poderia causar essa impressão. O Senhor olhou para Pedro até penetrar profundamente em sua alma, Pedro saiu na escuridão da noite e chorou amargamente. Que cena! O filho de Deus e Pedro se encontram frente à frente um do outro, ainda que a uma certa distância. Um Senhor Jesus abandonado por todos, leva Pedro ao arrependimento através de um olhar penetrante, não houve uma só palavra de exortação somente um olhar!

Pedro saiu do lugar onde ele estava, enquanto as lágrimas corriam no seu rosto, o olhar penetrante de Jesus que tocou tão profundo a alma de Pedro, foi o último contato que Ele teve com o seu discípulo antes da cruz, para Pedro isso foi algo terrível. Que momento difícil passou Pedro durante os três dias que passaram! Não havia palavra humana capaz de consola-lo, nem de dar paz ao seu coração. Jesus olhou para Pedro exatamente no momento em que este o negava, jurava, amaldiçoava e insistia em dizer que não O conhecia. Aquele foi um olhar de tristeza e compaixão.

Quando Jesus olhou para Pedro, ele se lembrou da palavra do Senhor e ao lembrar-se dela encontrou uma âncora de esperança e o caminho de volta à restauração. Cristo não só restaurou a vida de Pedro, também restaurou o seu ministério, o Senhor Jesus ordenou-lhe: “Apascenta os meus cordeiros... Apascenta as minhas ovelhas... segue-me“. O Senhor Jesus deixou no mar do esquecimento as falhas de Pedro, tanto a alma como os sonhos de Pedro foram restaurados, ele não só recebeu de volta o seu ministério, porém, agora revestido com o Espírito Santo para pregar a sua Palavra, aquele homem medroso tornou-se um homem intrépido, aquele homem inconstante, tornou-se firme como uma rocha, o homem que falava e atuava sem pensar, transformou-se em um grande homem de Deus. 

O mesmo Senhor Jesus que restaurou a vida é o ministério de Pedro sem condena-lo, quer fazer o mesmo com você, e da mesma maneira que Ele olhou para Pedro também está olhando para você, não para condena-lo, humilha-lo, e sim, para restaurar a sua vida e o seu ministério por completo. 


Pense nisso e que Deus o abençoe.

José Ferro 









Deixe o seu comentário:

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Avise-me sobre novas publicações | Avise-me sobre comentários seguintes por email

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu