Postado por: Rubens Ennes sábado, abril 18



"Porque Deus dá sabedoria, conhecimento e prazer ao homem que lhe agrada; mas ao pecador dá trabalho, para que ele ajunte e amontoe, à fim de dar àquele que agrada a Deus" (Eclesiastes 2:26)

Nós vivemos num mundo materialista, onde o egoísmo impera, e a luta desenfreada pela felicidade leva muitas pessoas a buscarem,  à qualquer preço, o "direito de ser feliz". O desequilíbrio provocado pela dedicação excessiva ao trabalho, tem destruído  lares, afastado muitos jovens do convívio familiar, que acabam sendo "adotados" pelas drogas.

Segundo Freud, (um médico neurologista, nascido na atual República Tcheca, especializado em tratamentos para doentes mentais que criou uma teoria onde afirmava que as pessoas que ficavam com a mente doente eram aquelas que não colocavam os seus sentimentos para fora), a felicidade plena é uma utopia, porque para ela existir não poderia depender do mundo real, onde a pessoa, inevitavelmente, tem algumas experiências negativas (como perdas e fracasso). Então, o máximo que a pessoa poderia conseguir seria uma felicidade  parcial.

Nesta mesma linha de pensamento, o diplomata e compositor Vinícius de Morais afirmava, em uma das suas composições: "Tristeza não tem fim, felicidade, sim". O fato é que, na sociedade em que vivemos, a idéia de felicidade esta sempre relacionada com a posse de bens materiais ou a plena satisfação dos desejos da carne.

A Palavra de Deus, no entanto, não compartilha com esta idéia, e nos ensina o verdadeiro caminho da felicidade:
"Bem  aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.  Antes, o seu prazer está  na lei do Senhor, e  na sua lei medita de dia e de noite. Ele  é  como  árvore  plantada  junto à corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem sucedido". (Salmos 1:1-3)

As pessoas bem aventuradas são aquelas pessoas nascidas de Deus. Elas são como o pinheiro. O pinheiro esta sempre verde, seja no verão ou no inverno, seja em alta ou baixa temperatura. Mesmo na pior época de seca. Não importa! Porque as suas raízes são profundas. Assim, também, são as pessoas saciadas pelas águas do Espírito Santo.

O Senhor Jesus falou à Samaritana, no poço de Jacó:
"Quem beber desta água tornará a ter sede; aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário,   a  água  que  eu  lhe  der será  nele  uma  fonte a  jorrar  para a vida  eterna". (João 4:13-14)

Talvez você venha tentando satisfazer as suas necessidades carnais, em busca da tal felicidade, com coisas materiais como dinheiro, carros, festas, roupas finas, etc... mas,  continua com sede. Deus tem muito mais para te dar do que apenas bens materiais.         

Experimente beber desta Água da Vida, e você nunca mais terá sede.

Deus abençoe, em nome do Senhor Jesus. 

Bp. João Batista

Fonte: Blog Bispo João Batista














Deixe o seu comentário:

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Avise-me sobre novas publicações | Avise-me sobre comentários seguintes por email

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu