Postado por: Jose Ferro segunda-feira, junho 3





Hoje em dia, falar de “espírito de excelência” não diz muito, porém, de uma atitude de excelência poderia ser mais explícita para a maioria das pessoas.

O objetivo desta mensagem é enfatizar o seguinte: Daniel tinha algo si mesmo que o fez ser excelente e que lhe deu a vantagem competitiva que muitos servos de Deus precisam hoje. Precisamos desse espírito de excelência que nos fará ser mais organizados, mais preparados, mais competentes em todos os aspectos na nossa vida secular e principalmente, nas coisas de Deus.

Se você é perfeccionista, você já deve saber que uma pessoa perfeccionista sofre muito. Sempre queremos que as coisas saiam bem e a nossa maneira.

Há alguns anos atrás, eu tinha essa maneira de pensar, e percebi que ser perfeccionista faz a pessoa sofrer muito e ser infeliz. Mas um bom dia, Deus me ensinou que eu deveria exigir a perfeição em mim, mas não nos outros. Ser perfeccionista, não quer dizer que as coisas sairão perfeitas, afinal, estão sendo feitas à nossa maneira. Eu nunca serei capaz de mudar as pessoas. Também aprendi que só podia exigir perfeição das pessoas quando eu fosse perfeito, o qual isso nunca vai acontecer, mas como eu busco a excelência sempre vou fazer as coisas da melhor maneira possível a cada dia.

Eu também aprendi que ser excelente não é ser perfeito. Não existe uma pessoa perfeita no mundo, porém, a excelência é diferente da perfeição. A excelência é buscar melhorar as coisas, e não importa se as coisas são perfeitas ou não. Apenas procuramos ser melhores a cada dia. Não devemos nos sentir superiores. Daniel não se sentiu superior, ele não andava mostrando que era superior, as pessoas que o conheciam viam um espírito excelente nele.

Cheguei à conclusão, que ser perfeccionista te impede de fazer muitas coisas, porque exigir perfeição na primeira tentativa é quase impossível. Mas, o ser “excelente”, convida você a se esforçar para se tornar melhor a cada dia, não necessariamente perfeito. Mesmo que a perfeição é impossível em termos humanos. Por outro lado, ser excelente nunca termina, a pessoa estará sempre procurando melhorar e realçar.

Daniel foi muito competitivo. Ele foi destacado entre os príncipes, governadores, políticos, mágicos, videntes, daquela época. Trabalhando na Igreja para o Senhor Jesus, ou trabalhando em uma empresa, eu tenho tido essa visão de melhorar a cada dia? Eu tenho uma atitude de excelência? Estou trabalhando para obter uma atitude de excelência?

É triste ver como existem pessoas acomodadas para servir a Deus e o que é pior, dizem que tudo o que fazem, estão fazendo para Deus. A Bíblia diz: "E vos renoveis no espírito do vosso entendimento" (Efésios 4.23). Quando fazemos as coisas bem feitas e de coração, Deus é exaltado tanto na Igreja onde servimos, quanto no nosso trabalho.

Pense nisso e que Deus o abençoe

Pr. José Francisco Ferro












Deixe o seu comentário:

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Avise-me sobre novas publicações | Avise-me sobre comentários seguintes por email

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu