Postado por: Rubens Ennes sábado, março 23



"Eu góstio!" - Dona Santinha Pureza(Nádia Carvalho) 
da "Escolinha do Professor Raimundo",
a aluna que não se importa de apanhar do marido.




Sabe aquela paixão que só provoca decepção e sofrimento, mas mesmo assim, a pessoa não consegue terminar o relacionamento?

O chamado “amor bandido” faz com que o individuo, mesmo sofrendo, continue a alimentar dentro de si um enganoso e perigoso sentimento na esperança que uma hora a outra pessoa resolva mudar. Acontece, que esta “outra pessoa” nunca irá mudar!

Não é pessimismo ou incredulidade de minha parte, se trata de uma questão de lógica. Porque tanto eu, quanto você ou qualquer outro ser humano, possuímos uma grande resistência a mudanças e só decidimos mudar quando a água está em nosso pescoço, ou seja, quando percebemos que realmente é necessário tomar uma atitude.

Se o fulano não gosta de trabalhar, é mulherengo, é violento ou viciado e mesmo assim, a moça se apaixonou por ele e o vê como o “homem da sua vida”; você acha que ele tem motivos para ser diferente? Claro que não!  O camarada nunca irá mudar porque já tem tudo o que quer, sem fazer esforço algum. Esta é a cerne da questão.

Você sabia que esta escolha nada inteligente tem se repetido na vida espiritual de muitas pessoas? São pessoas, que mesmo sabendo que o mundo só lhes trouxe desgraça e sofrimento, ainda assim, continuam a manter estreitos laços com aquilo que é contrário a vontade de Deus. Resumindo: vivem num legítimo “amor bandido” com o mundo.

Assim como na vida sentimental, a ficha só começa a cair com um “choque” de realidade. 
É quando a pessoa passa a refletir sobre o prejuízo imenso que está causando a si mesma, pois, a sua péssima qualidade de vida, apesar de “viver” dentro de uma igreja, é resultado de sua insistência nesta relação doentia.

Este pequeno momento de lucidez é suficiente para que a pessoa entenda a situação, crie um pouco mais de coragem e decida que é hora de mudar e de não mais permitir que sua vida tome o rumo desastroso que tomou.

Neste momento, todos aqueles que torcem pela felicidade dela, começam a vibrar de alegria, pois a pessoa que eles tanto amam, parou de se iludir e finalmente despertou, cansou de ser escrava do sentimento e começou a se valorizar.

Mas, infelizmente, não demora muito para uma triste história se repetir, a pessoa acaba cedendo às vontades e prazeres do alma e volta correndo para os braços daquele (ou daquilo) que somente lhe fez mal.

Quando os amigos e familiares ficam sabendo, a decepção é geral e todos tem um só pensamento: “Meu Deus, fulana não aprende mesmo! Parece que gosta de sofrer...”.

O fato é que ela “gosta” mesmo de sofrer. Não literalmente, mas as escolhas que fazemos, revelam o que realmente queremos pra nossa vida.  E apesar da pessoa não ser capaz de reconhecer ou talvez, de não conseguir enxergar esta realidade; as suas atitudes falam por si. 

“Com eles aconteceu o que diz certo adágio verdadeiro: O cão voltou ao seu próprio vômito; e: A porca lavada voltou a revolver-se no lamaçal.” (2 Pedro 2.22) 

Enquanto isso, o tempo vai passando e não há qualquer progresso na vida da pessoa e o pior, é que a verdade está escancarada, mas a pessoa prefere se iludir. Como se fosse possível ser feliz, andando de mãos dadas com Deus e com o mundo.

É preciso avaliarmos aquilo que tem tomado o nosso tempo, consumido nossas energias e ocupado nossos pensamentos e então eliminar de vez todo elo com aquilo que não edifica e que nos tem afastado de Deus.

Aqueles que almejam uma vida de qualidade e desejam verdadeiramente alcançar a salvação de sua alma, precisam pagar o preço que é cortar imediatamente o cordão umbilical que os liga a este mundo.

Não perca mais tempo, somente se desilude aquele que está iludido.
Deus lhe abençoe.

Pr. Rubens Ennes











Deixe o seu comentário:

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Avise-me sobre novas publicações | Avise-me sobre comentários seguintes por email

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu