Postado por: Rubens Ennes domingo, janeiro 27





A respeito dos dízimos, o problema maior não são os incrédulos e sim, os muitos evangélicos ladrões que usam de todas as desculpas para se justificarem de seus roubos contínuos.

Pois é, parece inacreditável, mas são muitos os evangélicos que roubam a Deus na maior cara-de-pau, e ainda ensinam outras pessoas a fazer o mesmo. Esses, sempre vem com uma linguagem mansa e suave, usam expressões como: "graça e paz", "amado", "meu querido"...etc. São fingidos, como Judas era. 

O pior de tudo é muitos desses, em suas igrejas se intitulam mestres. São teólogos, pastores, presbíteros, evangelistas, profetas, diáconos, obreiros... que pregam o que não vivem, estudam a bíblia e não entendem coisas simples. 

Há de se compreender porque seus casamentos são um fracasso. A fidelidade a Deus é uma alusão a um casamento sólido e abençoado.

Em seus blogs, sites gospeis, cantam de "galo" e se enchem de razão, querem ter um "minutinho de fama" em cima do bispo. Por isso, aqui eu os chamo de ladrões vagabundos.

Entenda: Deus não quer dizimistas, mas parceiros. Naturalmente, todo parceiro é dizimista fiel. É automático, está no sangue honrar o seu SENHOR.

Daniel Lopes


LEIA TAMBÉM:
http://www.bispomacedo.com.br/2012/05/17/crentes-ladroes/










Deixe o seu comentário:

Para o Sentido Único, a sua opinião sobre o tema em questão é muito importante. Deixe seu comentário!

Avise-me sobre novas publicações | Avise-me sobre comentários seguintes por email

Receba as novidades do Blog em seu e-mail

Mantenha-se informado e atualizado

+ Recentes

Arquivos do blog

Sentido Único ©Copyright - Todos os direitos Reservados.. Tecnologia do Blogger.

Copyright © Sentido Único | Seguindo Sempre na Direção do Céu